terça-feira, 2 de junho de 2009

O meu melhor da E3 2009


  • PS3 finalmente oficial no Brasil até o final do "verão" (não ficou claro se seria o nosso ou o americano). Poderei jogar Metal Gear Solid 4 (que já está comprado) e Little Big Planet. Uncharted 2, God of War 3, Heavy Rain e Gran Turismo em HD também serão bem-vindos. Mesmo assim, acho pouco como justificativa para comprar um novo console. Se a Sony trouxer a Playstation Network também oficialmente para o Brasil, com serviços de vídeo, meu interesse pode aumentar.
  • O controle "Motion Sensing" da Sony não me impressionou muito, mas parece promissor quando somado ao Playstation Eye. Não consigo ficar empolgado com o Wii.
  • PSPgo finalmente me atraiu. Especialmente se chegar oficialmente e por um preço convidativo. Download direto de jogos para o portátil é muito pratico e faz total sentido na realidade atual. LocoRoco e Patapon são divertidos.
  • A Nintendo... continua a Nintendo. Super Mario multiplayer?... No, thanks. O que aconteceu com os jogos de plataforma clássicos? Chega de multiplayer! Não aguento mais ouvir sobre multiplayer.
  • A frente XBox ainda é a mais interessante. É o único console oficial no País por um preço razoável e ainda oferece mais opções de títulos exclusivos. Left4Dead, Halo, Gears of War... Parece que Alan Wake finalmente vai sair.
  • O Project Natal pareceu promissor. Só quero ver se vai funcionar como apresentado. E se funcionar será sim o futuro. A Microsoft deveria definitivamente abandonar o desenvolvimento de sistemas operacionais para computadores.
  • Uma pena que a Live não existe oficialmente no Brasil. Ver funcionalidades como IPTV e Video On-demand em HD 1080p e ficar só com o gostinho é muito frustrante.
  • Outros lançamentos que achei notáveis: Modern Warfare 2 (muita ação imersiva), Assassin's Creed 2 (continuação não somente merecida como necessária), Splinter Cell Conviction (quem quer ser o Jack Bauer?), The Beatles Rock Band (dueto vocal e as linhas de baixo do Paul, need I say more?)

Nenhum comentário: