quinta-feira, 11 de maio de 2006

So Dark The Con Of Man


Realmente me impressiona como as pessoas se deixam levar pelas emoções. Ou simplesmente pela tolice. 

O Código Da Vinci não passa de uma obra de ficção. Acabei de terminar de lê-lo*. Mas é uma obra de ficção muito interessante. A maneira como o autor mistura fatos e locais reais com sua visão de fantasia realmente nos deixa na dúvida. Mas chegar ao ponto de banir o livro, censurar o filme ou massacrar o Dan Brown é puro exagero. Parece que um grupo de pessoas recentemente adotou greve de fome no intuito de impedir que o filme seja exibido. Para mim, isso é sinal de pura insegurança com as próprias crenças. 

Como o próprio livro menciona, a fé é inquestionável. Essas pessoas que se dizem católicas, massacram o livro como se estivéssemos no Século XV. Só faltam começarem a fazer churrasco dos mais de 14 milhões de leitores.

Tenham a Santa Maria Madalena de Pazzi, literalmente.

*Quando menciono que li o livro, na verdade ouvi o livro. Comprei a versão em Audiobook não abreviado, vendido pelo site Audible.com. O leitor faz as vozes dos personagens muito bem. De certa forma me traz um sentimento nostálgico de quando mamãe lia o Sobradinho dos Pardais quando era pequeno. :-)

Nenhum comentário: